Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro 18, 2013

Governadores se unem contra reajuste do piso dos professores em 2014...

Os cálculos preliminares do governo federal apontam um aumento de 19% em 2014, mais um documento assinado pelos 27 governadores foi entregue ao Executivocom uma nova sugestão de cálculo.
Se aplicado o desejo dos governadores  já no ano que vem, o índice seria reduzido a 7,7%.
Há ainda uma proposta defendida pela CNTE, entidade que representa os trabalhadores da educação básica. Nesse caso, ficaria em torno de 10%.
A movimentação deu origem a uma mesa de negociação, organizada pelo Ministério da Educação, para tratar do tema: o objetivo é chegar a um consenso sobre uma nova fórmula de reajuste, a ser aprovada pelo Congresso.
Para prefeitos e governadores, o modelo atual é "imprevisível" e "insustentável". Isso porque ele segue a variação do gasto por aluno no Fundeb (fundo para a educação básica) --que depende do volume de impostos a ele destinados-- e do número de alunos da rede pública do ensino fundamental.
Neste ano, há expectativa do crescimento da arrecadação, enqua…

Novela Hora-Atividades: Professores não receberão de forma integral...

Desde o dia 12 que  mais de 1.300 professores que tiveram descontos indevidos em nome do Sindicato aguardam uma resposta do Governo. Essa era a data prometida para o pagamento do terço de hora-atividade, de forma integral, aos tinham sido descontados.  Nem o dinheiro saiu nem ninguém apareceu sequer para dar uma explicação. Uma semana depois, o Governo consegue piorar a situação e simplesmente volta atrás do que prometeu: não poderá pagar o terço de hora-atividade integralmente porque não tem dinheiro para isso. Agora a promessa é que pagarão em duas parcelas para que se igualem com os que já vinham recebendo. Fonte: SINTE