Postagens

Mostrando postagens de Abril 24, 2010

CEGUEIRA PARADIGMÁTICA...

Essa expressão foi tomada do Leonardo Boff. A ideologia desse ex-sacerdote da igreja católica e seu idealismo religioso serve igualmente para vários setores públicos e infelizmente para alguns eleitores.
A crise econômica, social, política e ambiental que assola o mundo nestes dias que correm. Um verdadeiro tsunami com culpados bem definidos, dispensando assim os genéricos Deus pai e a mãe Natureza. A serpente foi gerada e criada no ninho do paradigma sobre o qual foi erguida a estrutura de nossa atual maneira de viver.
Esse paradigma não mais satisfaz a humanidade, assim como também não o fez o paradigma comunista. “O velho já morreu, e o novo ainda não nasceu” (Gramsci).
Desde crianças a educação serve para transformar os indivíduos em cidadãos e pessoas civilizadas. Quando isso não acontece, tem-se o rigor das punições. Liberdade é a faculdade que você tem de atravessar uma rua, na faixa de pedestres, com o sinal aberto para você, depois de olhar para os lados e principalmente para a…

TCE determina que prefeitos e ex-prefeitos devolvam R$ 1,5 milhão

Do: www.diariodenatal.com.br
A ex-prefeita de Montanhas, Otêmia Maria de Lima e Silva, terá que devolver em 2001, R$ 833,088,30 ao erário por recursos do Fundef não comprovados. Também foi considerada irregular a prestação de contas da Câmara de Serra do Mel, relativa a maio de 2000, com ressarcimento de R$ 14.124,61. A Prefeitura de Afonso Bezerra foi condenada a apresentar em 30 dias um plano para aplicação R$ 65.125,51 do Fundef não utilizado para remuneração do magistério. E o gestor da época, Antônio Ferreira de Assunção, terá que ressarcir R$ 47.890,74, em virtude do pagamento de juros e taxas sobre o saldo devedor e da aquisição de material sem destinação específica.
Por ter concedido diárias sem justificativas, o ex-presidente da Câmara de Ouro Branco, Ediwilson Azevedo de Araújo, terá que restituir R$ 10.523,50. Pela ausência de prestação de contas, o ex-prefeito de Felipe Guerra, Braz Costa Neto, terá que devolver R$ 472.215,20. Pelo mesmo motivo, o ex-gestor de Japi, Francis…